CARTA AO MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES DO PIAUÍ - RCC PIAUÍ - Renovação Carismática Católica do Piauí

Publicidade::

test banner

Post Top Ad

Anuncie aqui. Fale conosco!

CARTA AO MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES DO PIAUÍ

Share This









“‘Compreendi que o Amor englobava todas as vocações, que o Amor era tudo…’
Santa Teresinha do Menino Jesus








Queridos irmãos e irmãs do Ministério de Musica e artes do Piauí, chegamos ao ano jubilar da RCC do Brasil!
Louvado seja Deus!
É tempo de graça, de renovação e de profunda intimidade com o amor do pai. Assim, nos diz Dom Alberto Taveira “Nós temos um ponto de partida: O amor de Deus! É o amor de Deus que nos sustenta. É este amor que faz com que as portas abertas da RCC sejam edificadas na rocha”.
A nossa vocação é o amor. Assim, precisamos estar constantemente ligados a videira, fonte de todo amor. Vale apenas nos questionarmos: Temos amado o nosso servir? Temos amado nosso irmão? O amor de Deus tem nos motivado a sermos fiéis? A nossa vida e o nosso servir precisa ser um reflexo do quanto amamos, não o que temos feito, e sim, se temos feito por amor.
Tudo que existe na igreja, na sua vida e na caminhada existe para você voltar a sua intimidade. Fomos criados para Deus poder nos amar. O pai fez todo um plano de amor por nós e não podemos permitir que as experiências terrestres abale nossa experiência com o pai.
Irmãos, nossas canções e nosso servir precisam refletir nossa intimidade com Deus. As músicas que utilizamos em nossos grupos de orações precisam falar deste amor, que foi derramado em nossos corações, e que precisa alcançar os corações de todos aqueles que lá estiverem.
Que músicas temos usado? De quê elas tem falado? Temos buscado apenas animações ou temos proclamado o amor de Deus? A nossa diferença precisa ser o amor. Foi o amor que moveu santos e santas e que conduz grandes líderes e servos da igreja e é este amor que precisa nos dar coragem e audácia  para zelarmos pela nossa arte.
Portanto, neste ano jubilar, peçamos a Deus a graça de retornarmos, ou seja, de fazermos o caminho de volta ao colo do pai. Somos amados e escolhidos por Deus nessa grande missão de salvar almas. Rogo a Santa Cecília, padroeira dos músicos, e a Santa Teresinha do Menino Jesus que nos ensine a vivermos o amor e que o Espirito Santo nos conduza a vivermos a disposição no chamado de Deus a nós.
Um abraço jubilar.
Feliphe Vieira de Sousa
Coordenador do Ministério de Música e Artes do Piauí

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here